Sufoco


Não sei se o título deste post encaixa mais na inesperada dificuldade do São Paulo de passar à final da Copa Sul-Americana ou na dura jornada do torcedor para ir e, sobretudo, voltar de um jogo no Morumbi às 22h.

O time ficou no 0 a 0 contra o aguerrido (com o perdão do eufemismo) Universidad Católica e se classificou graças ao gol em Santiago. Ontem, nos últimos minutos, o goleiro chileno nem esperou por uma bola parada para disparar em direção à área de Rogério Ceni.  Mas não adiantou. No fim, extenuados, os chilenos desabaram em campo. 

Extenuados também ficaram muitos dos 55 mil torcedores que foram ao estádio. Quem chegou de carro enfrentou um congestionamento monstruoso. Especialmente por conta da mirabolante interdição providenciada pela CET em um retorno na frente do Shopping Butantã.

Para estacionar nos arredores, todos passam pela extorsão de rotina praticada pelos flanelinhas, esses seres dotados do superpoder da invisibilidade, ativado apenas diante da polícia.

O retorno, sem dúvida, é a parte mais emocionante do périplo. Nem o Vettel conseguiria pegar o Metrô aberto. Nem o Anderson Silva pararia um táxi nas imediações do estádio. E para tomar um ônibus capaz de se locomover a mais de 10 km/h é preciso “camelar” por uma meia hora. No mínimo.

Nada disso é novidade, porém revolta mais na medida em que passa o tempo sem que seja tomada alguma providência. O metrô fechar uma hora mais tarde em dia de jogos, por exemplo, já ajudaria.

Como sempre, a festa das torcidas é a parte boa. O único porém foi um rápido entrevero durante o intervalo. A PM cedeu espaço aos são-paulinos no setor de visitantes. Aí rolou uma troca de “afagos” que exigiu intervenção.

MAIS FOTOS DO JOGO NO FACEBOOK

SIGA NO TWITTER

7 pensamentos sobre “Sufoco

  1. A sensação é que o clube vende mais ingressos do que determinados setores comportam. Por exemplo, na arquibancada Visa (antiga vermelha, agora quase todas cadeiras são vermelhas) , tinha muita gente em pé, digo, mais torcedor do que cadeira.

    • É faz muito sentido…

      Outro problema no anel superior é que muita gente fica nas escadas, principalmente naquelas junto aos acessos à arquibancada. Quase sempre tem lugar lá no alto, mas com a escada “interditada” não dá pra chegar..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: