Queimados


Virou rotina. Quando o Santos está perdendo, a torcida pega o meia Felipe Anderson pra Cristo. De fato ele vem oscilando demais. Mas, juntar dez, vinte e vaiar o jogador toda vez que pega na bola, é outra só piora a situação. Neste sábado (22/09) à noite, no Pacaembu, na derrota por 3 a 1 ante a Lusa, torcedores do setor laranja quase saíram no tapa por conta da perseguição.

Também houve ataques, menos ruidosos, ao técnico Muricy Ramalho. A falta de padrão de jogo é notória. O time vive em função dos bicões na direção de Neymar. A estratégia (ou a falta dela), obviamente, não funciona com o garoto Victor Andrade no lugar do astro santista, que ontem cumpriu suspensão.

Por fim, no primeiro jogo depois da venda de Ganso ao São Paulo, a cúpula santista pode dizer que terminou tudo como planejado. As poucas reações contrárias (como na foto no alto da página) foram direcionadas exclusivamente ao meia.

SIGA NO TWITTER

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: