Mancha, o retorno


Após cinco meses proibida de entrar uniformizada nos estádios paulistas, a Mancha Verde voltou neste sábado, no Pacaembu. Retorno, inclusive, saudado via sistema de som do estádio durante o intervalo. Mas o incentivo extra da arquibancada não ajudou o time a passar de um 0 a 0 contra um Grêmio com dez jogadores desde o primeiro tempo. Grêmio dos desafetos Luxemburgo e Kleber (o expulso), obviamente “homenageados” pela organizada (vídeo abaixo). A Mancha ficou afastada por conta de uma briga contra corintianos, em março, quando um palmeirense morreu baleado.

A torcida do Grêmio, numerosa, ficou espremida no setor de visitante. Não há razão para a PM não liberar inteiramente esse espaço quando fecha o tobogã, como neste sábado. Com o tobogã vazio não há risco de conflito entre os rivais. Por que  manter os visitantes apertados? Isso sim pode gerar confusão.

SIGA NO TWITTER

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com.

%d blogueiros gostam disto: